Blog do Fernando Zimmer


Crocodiles vence e alcança sua 4ª final em 4 anos

Com final emocionante, Croco vira o jogo e garante sua vaga no Brasil Bowl IV

Na tarde fria e nublada de Curitiba, o Coritiba Crocodiles recebeu o São José Istepôs no campo do Clube Imperial, no bairro mossunguê.

O jogo foi disputado desde o início com as duas defesas prevalecendo em campo e segurando os ataques adversários. O primeiro tempo acabou com 03 x 00 para o Croco, após a conversão de um field goal pelo #7 Thyago faltando 3 minutos para o fim do segundo quarto.

No segundo tempo as defesas seguiram fortes e, após um bloqueio de punt, a defesa catarinense do Istepôs conseguiu um safety, marcando 2 pontos no placar e recuperando a posse de bola.

Mas novamente o ataque alviverde avançou em campo e marcou um novo field goal com seu kicker #7 Thyago, faltando 1’21’’ para o fim do terceiro quarto, ampliando o placar para 06 x 02.

Na jogada seguinte o ataque da equipe catarinense fez um passe curto do #2 Ty para #46 JP Ramos que conquistou um grande avanço de 65 jardas até a end zone para marcar o primeiro TouchDown da partida. Crocodiles 06 x 09 Istepôs após a conversão do ponto extra.

O jogo segue tenso para o último período, Crocodiles tentando buscar a virada enquanto o Istepôs tenta gastar o tempo para ganhar o jogo. Faltando 3’29’’ para o fim de jogo, em tentativa de field goal da equipe de São José, o Croco  pressionou o kicker e evitou o chute, recuperando assim a posse de bola.

Com pouco tempo no cronômetro o Croco tinha que pontuar com um field goal para igualar o placar ou com um TD para virar o jogo. Em duas jogadas explosivas do ataque alviverde, primeiro com o #1 Toddy passando para #83 Henrique numa jogada de 48 jardas, que colocou o Croco no campo de ataque. Na sequência, novamente o #1 Toddy passou a bola brilhantemente, desta vez para o wide receiver #89 Adan “Ochonueve” marcar o TD de virada para o Crocodiles. Após o ponto extra convertido, o placar ficou em 13 x 09 faltando 2’54’’ para o final do jogo.

A equipe catarinense tinha tempo para buscar uma nova reviravolta, mas faltando 1’53’’ o #2 Ty foi interceptado pelo #34 Cleverson que recuperou a posse de bola para o Crocodiles que administrou o placar até o apito final do juiz.

Uma semifinal excelente entre duas equipes muito fortes, agora o Coritiba Crocodiles viaja para a Paraíba para enfrentar o João Pessoa Espectros que venceu o São Paulo Storm por 33 x 30 no duelo da outra semifinal.

O Croco chega a sua 4ª final consecutiva em 4 anos da competição nacional para conquistar seu primeiro título do Brasil Bowl.

Legenda:

Touchdown (TD) – pontuação de 6 pontos. Ocorre quando o ataque consegue alcançar a End Zone (espaço denominado de 10 jardas onde é efetivada a pontuação) do adversário. Da ao ataque a tentativa do Extra Point (tentativa de chute entre as traves, vale de 1 ponto) ou 2 Points Convertion (um novo TD com validade de 2 pontos)

Field Goal – tentativa de chute entre as traves. Pontuação de 3 pontos.

Tackles - quando derruba o jogador adversário que está com a posse de bola;

Sack - quando o defensor derruba o quarterback adversário antes que ele faça um passe ou entregue a bola para o corredor;

Fumble - quando o defensor rouba a bola do adversário que está com a posse da bola;

Interceptação (int.) - quando o jogador de defesa se adianta ao recebedor adversário pegando a bola no ar;

Safety – quando a defesa consegue derrubar o jogador de ataque que estiver com a posse de bola dentro da End Zone do prórpio time de ataque;

End Zone - espaço denominado de 10 jardas onde é efetivada a pontuação.

Kickoff – pontapé incial, retorno de intervalo ou pontuações durante o jogo;

Punt – pontapé de devolução da bola quando uma das equipes não consegue atingir as jardas suficientes após 4 jogadas

 

Trick Play – jogada surpresa, realizada com diferentes movimentos dos jogadores de ataque para confundir a defesa.



 Escrito por Fernando Zimmer às 14h32 [] []






Boas vindas da Champions League

 

Lucas estreou esta semana na Champions League com a camisa do Paris Saint German (PSG). O Ex jogador do São Paulo fez um primeiro tempo ótimo, fez uma jogada linda para uma bela assistência. Driblou, correu, mandou um foguete na trave e fez bonito em sua primeira aparição na maior liga do mundo. No segundo tempo foi substituído por causa de uma pancada na perna, mas a lesão não parece ser grave, ele deverá participar já das próximas rodadas do campeonato francês e champions. PSG venceu por 2x1 o Valencia em solo espanhol.

Isso talvez seja um exemplo para o Neymar, que a Europa irá reconhecer todo o seu potencial, irá explorar toda a sua qualidade, o fará brilhar. Aqui no futebol brasileiro ele é a estrela principal, disparado o melhor, sem parâmetros. Porém na Europa ele poderá duelar contra Messi, Cristiano Ronaldo, Iniesta, Rooney, entre outros dos melhores.

O futebol brasileiro está numa excelente fase, os times parecem organizados e indicam que finalmente aprenderam a arrecadar dinheiro, isso faz com que os principais jogadores do país aceitem ficar por mais tempo em seu clube de coração ou mais próximos de familiares e amigos ganhando um bom dinheiro.

Mas voltando ao Lucas, ele ainda não fez gol pelo PSG, porém está distribuindo assistências num PSG que parece ter encontrado um bom entrosamento para suas estrelas. Lucas é mais um desses, que começa a brilhar em terra de gigantes. Será que Neymar topa o desafio? Ele tem bola para isso.

 



 Escrito por Fernando Zimmer às 18h31 [] []






A seleção sem padrão

A seleção brasileira perdeu para a Inglaterra ontem, no Wembley - 2x1.

A seleção brasileira mostrou que Mano sequer deixou uma base... ou que Felipão simplesmente passou uma borracha no que Mano Menezes fez em 3 anos como técnico.

A seleção brasileira começou com Julio César, Daniel Alves, David Luiz, Dante, Adriano, Ramires, Paulinho, Ronaldinho, Oscar, Neymar e Luis Fabiano - ou seja, desses jogadores apenas Daniel Alves, David Luiz, Adriano, Ramires, Oscar e Neymar jogaram mais de 5 jogos pela seleção nos três anos de Mano Menezes. Ainda Ramires e Paulinho jogaram 1 vez juntos no meio de campo da seleção, Adriano era convocado sempre como reserva e também pouco jogou. Daniel Alves, David Luiz, Oscar e Neymar foram os únicos que verdadeiramente se firmaram na seleção.

Tudo bem, Thiago Silva está lesionado e Marcelo voltando de lesão... a zaga ao menos seria mantida acredito eu se todos estivessem 100%. Mas o goleiro e do meio para frente temos somente Neymar de titular... nem Oscar está garantido, já que o Lucas vem jogando mais do que ele em seu clube.

Em alguns momentos o esquema tático 4-2-3-1 parece estar mantido, em alguns momentos ficou perdido no meio dos bons jogadores ingleses, mas a volta de Julio César foi excelente, a estréia de Dante também excelente, além de provar que Fred deve mesmo ser o titular da camisa 9 - a bola sobrou ele faz o gol.

Pontos negativos: Adriano que tomou um baile de Walcott; Ramires e Paulinho jogando juntos ficaram perdidos; Ronaldinho, Neymar e Luis Fabiano nada fizeram; Arouca que entrou no segundo tempo e fez uma besteira imensa no segundo gol inglês.

Pontos positivos: Julio César, Dante, Fred e Lucas. Do outro lado a Inglaterra parece ter encontrado uma seleção, montou um bom time e fez um excelente jogo, principalmente dominando o meio de campo.

De todo não foi ruim, principalmente porque o adversário foi a Inglaterra, como já dito acima. Temos que ponderar a má qualidade física dos jogadores brasileiros que estão no início da temporada e pensando no carnaval.

Mas a base da seleção não está montada, tem muito que trabalhar... muito amistoso por disputar e a Copa das Confederações para ser aproveitada como estágio para a Copa do Mundo 14.



 Escrito por Fernando Zimmer às 10h04 [] []






Emoções pelos "futebóis"

O Futebol Americano me passou uma das maiores emoções dos últimos anos. Sempre gostei do esporte, mas até então não havia sentido uma paixão tão grande pelo esporte como senti há muito tempo pelo futebol tradicional (soccer).

O futebol soccer está tradicional demais, muito burocrático, muito comum, com muitos erros, muitos desacertos, muitos problemas. Parece um esporte que está se escondendo atrás de seus erros, um esporte que parece aceitar as corrupções, aceita o atraso tecnológico, aceita os erros, mesmo humanos que sejam, e ainda aceita a falta de compromisso com a verdade fora do campo.

Talvez seja uma desilusão muito grande com o soccer, mas eu encontrei uma paixão muito grande que pode consumar essa força que sinto pelos esportes.

Vibrar a cada segundo como foi na final do Super Bowl, com um jogo extraordinário até o milésimo final de jogo nesse domingo, quando o 49ers praticamente engoliu o Ravens no final do jogo, mas o mesmo Baltimore soube controlar sua vantagem, assumir os riscos necessários e conquistar o anel de campeão.

Uma emoção que há muito não sentia. Quando criança eu lembro de torcer pelo São Paulo e chorar quando o mesmo perdia um jogo e ficava fora da disputa por um título... ali aprendi que no esporte, alguém sempre tem que perder. Mas quando você ganha, a felicidade é muito grande e vale a pena você guardar as emoções para comemorar uma conquista, mesmo que você tenha participado somente como torcedor.

Eu torci pelos niners, como aprendi a torcer em meados dos anos noventa quando o mesmo niners conquistou seu 5º título através de Jerry Rice – um dos maiores ídolos do esporte na história, o maior de todos em sua posição.

É difícil descrever o quanto se torce por um time, por um esporte... é difícil você acreditar quando algo tão grande como é o futebol soccer se perde em uma rede de burocracias e conquista pessoas com mentiras... é difícil você aceitar coisas novas, mas deve sempre abraçar suas novas paixões, mesmo que elas sejam antigas e fiquem escondidas por muito tempo até que você a encontre para abraçá-la... eu me senti assim no domingo à noite... uma paixão substituindo a outra.



 Escrito por Fernando Zimmer às 22h24 [] []






UCL está de volta!

A Champions da temporada 12/13 já tem seus novos grupos... de A a H os grandes campeões europeus se enfrentarão até a grande final em Wembley em 25 de maio de 2013.
Lembrando que os cabeças de chave e os demais times são separados através de um coeficiente da UEFA que separa os times devido seus últimos anos nas competições europeias.

GRUPO A
Porto (Portugal) - Campeão português
Dynamo de Kiev (Ucrânia) - Vice-campeão ucraniano (passou pelos playoffs)
Paris Saint-Germain (França) - Vice-campeão francês
Dinamo Zagreb (Croácia) - Campeão croata (passou pelos playoffs)

Grupo bom para o PSG. O novo milionário do futebol francês aparentemente terá vida "fácil" na fase de grupos da champions. Pois compraram vários jogadores, gastaram milhões e terão tempo suficiente para entrosar o grupo e enfrentar o mata-mata a partir do ano que vem.
Porto, apesar de ser cabeça de chave do grupo aparenta ser a segunda força do grupo, promete ser o único do grupo a oferecer trabalho ao rico PSG.
Os Dinamos de Kiev e Zagreb poderão dificultar um pouco, mas devem mesmo brigar entre eles pela 3ª vaga do grupo que leva para a Liga Europa.
Palpite: 1-PSG 2-Porto 3- Kiev 4-Zagreb

GRUPO B
Arsenal (Inglaterra) - Terceiro colocado inglês
Schalke 04 (Alemanha) - Terceiro colocado alemão
Olympiacos (Grécia) - Campeão grego
Montpellier (França) - Campeão francês

Grupo interessante, muito interessante!
Arsenal está numa fase vendedora incrível... vendeu seus principais jogadores no ano passado e no começo desta temporada. Não conseguiu repor à altura, mas mesmo assim é cabeça de chave e fará duelos dificeis com seus adversários de grupo.
Schalke está sempre brigando pelo título na Bundesliga, mas sempre acaba em terceiro ou quarto... entra na fase de grupos da UCL e acaba em segundo lugar. Não parece ter um time muito competitivo neste ano, mas esse grupo é inprevisível.
Olympiacos está passando por uma crise danada dentro da Grécia. Sim, a crise afetou inclusive o futebol... Mas é um time que sempre dá trabalho.
Montpellier é o atual campeão francês (campeonato que teve 5 campeões diferentes nos últimos 5 anos), vendeu muita gente, não parece ter força nem bagagem para passar da primeira fase.
Palpite: 1- Schalke 2- Arsenal 3- Montpellier 4- Olympiacos

GRUPO C
Milan (Itália) - Vice-campeão italiano
Zenit St. Petersburg (Rússia) - Campeão russo
Anderlecht (Bélgica) - Campeão belga (passou pelos playoffs)
Málaga (Espanha) - Quarto colocado espanhol (passou pelos playoffs)

Grupo fácil para o frágil Milan... time renovado, vendeu os principais jogadores e tenta arrumar a casa com jovens. Na temporada 02/03 o Milan já era conhecido como um time de elenco envelhecido, foi campeão. 06/07 estava mais envelhecido... novamente campeão. Não acho que essa renovação fará bem ao Milan... Vendeu o melhor zagueiro do mundo (Thiago Silva) e o definidor de todos seus jogos no ano passado (Ibrahimovic).
Zenit é outro rico, tentou comprar o Hulk do Porto por 50 mi de Euros... nada feito... Vai dar trabalho ao Milan, muito trabalho, principalmente jogando nó frio russo.
Anderlecht volta para a UCL depois de 7 anos, os jogadores belgas estão em ótima fase e em grande evolução, o Anderlecht pode revelar bons jogadores.
Málaga é um ex-rico. Foi comprado no ano passado por um "Sheik da grana" e montou uma seleção com bons jogadores espanhóis e experientes, mas nesse ano o Sheik foi embora, deixou dívidas e uma gorda folha salarial de atletas... o que aconteceu? Venderam quem conseguiram para tentar sanar dívidas. Está com muitos problemas.
Palpite: 1-Zenit 2- Milan 3- Anderecht 4- Málaga

GRUPO D
Real Madrid (Espanha) - Campeão espanhol
Manchester City (Inglaterra) - Campeão inglês
Ajax (Holanda) - Campeão holandês
Borussia Dortmund (Alemanha) - Campeão alemão

É o famoso grupo da morte... só com campeões em seus países... três deles campeões europeus.
Real Madrid está forte, como sempre, mas não terá vida fácil... grupo incrível que terá sempre bons jogos.
Man City chega neste ano para brigar pelo título europeu... tem um elenco fortíssimo mas um técnico irregular.
Ajax tem muita tradição, pena que seus jovens jogadores não estão a altura de tamanha tradição.
Dortmund tem um time incrível... muito bom de assistir, joga um futebol fácil com seus excelentes jovens talentos... espero que dê trabalho ao Real e ao City, já que no ano passado eles decepcionaram.
Palpite: 1-Real Madrid 2- Man City 3- Dortmund 4- Ajax

GRUPO E
Chelsea (Inglaterra) - Atual campeão
Shakhtar Donetsk (Ucrânia) - Campeão ucraniano
Juventus (Itália) - Campeã italiana
Nordsjelland (Dinamarca) - Campeão dinamarquês

Grupo bom para o atual campeão e para o retorno da Juve.
Chelsea não deverá encontrar muitas dificuldades... atual campeão terá tempo para colocar seus bons e novos talentos para jogar (Oscar, Hazard e Marin).
Shakhtar é um time enrolado, sempre cria dificuldades mas não flui como imagina-se. recheado de brasileiros deve ficar mesmo com a Liga Europa.
Juventus volta para a UCL com um bom time, sem grandes estrelas. Ano passado tinha um elenco inchado, mas nesse ano esvaziou e tentou selecioná-los da melhor forma... ficou com a base da seleção italiana vice campeã européia. Buffon, Bonucci, Barzagli, Chiellini, Pirlo, Marchisio, Giacherini, entre outros... Perdeu seu ícone Del Piero para a aposentadoria, mas deverá passar com facilidade da fase de grupos.
Nordsjelland estréia em Champions... isso é sinal de time sem experiência internacional que deverá tomar algumas goleadas...
Palpite: 1- Chelsea 2- Juventus 3- Shakhtar 4- Nordjelland 

GRUPO F
Bayern de Munique (Alemanha) - Vice-campeão alemão
Valencia (Espanha) - Terceiro colocado espanhol
Lille (França) - Terceiro colocado francês (passou pelos playoffs)
Bate Borisov (Bielorrússia) - Campeão bielorrusso (passou pelos playoffs)

Bayern deverá ser soberano nesse grupo... está há 3 anos sem ganhar títulos, vem com tudo para esse ano.
Valencia e Lille vão disputar a segunda vaga... o Lille perdeu muitos jgoadores importantes após ser campeão francês no ano passado, mas se reforçou razoavelmente para este ano e dará trabalho ao "quebrado" Valencia. Os espanhóis sempre são fortes, e o dinheiro das fases seguintes da UCL poderá motivar os valencianos.
Bate Borisov é aquele que tomou duas goleadas do Barça e conseguiu um empate com o Milan na fase de grupo do ano passado... não incomodará.
Palpite: 1- Bayern 2- Valencia 3- Lille 4- Bate

GRUPO G
Barcelona (Espanha) - Vice-campeão espanhol
Benfica (Portugal) - Vice-campeão português
Spartak Moscou (Rússia) - Vice-campeão russo (passou pelos playoffs)
Celtic (Escócia) - Campeão escocês (passou pelos playoffs)

Grupo bom para o Barcelona... também possui três campeões europeus que estão em fases distintas.
Barça grande favorito e deve passar poupando alguns de seus principais jogadores
Benfica é muito tradicional da competição, passa por dificuldades financeiras junto com Portugal, mas deve fazer uma boa campanha da UCL.
Spartak Moscou corre por fora... tem bastante dinheiro e aposta nos brasileiros para passar da fase de grupos, deve alcançar a Liga Europa.
Celtic é o pior dos já campeões desse gurpo. Está há algum tempo encontrando dificuldades para montar um time competitivo para disputar a Europa e viu no ano passado o seu principal adversário (Rangers) falir e ir a 4ª divisão na Escócia.
Palpite: 1- Barcelona 2- Benfica 3- Spartak 4- Celtic

GRUPO H

Manchester United (Inglaterra) - Vice-campeão inglês
Braga (Portugal) - Terceiro colocado português (passou pelos playoffs)
Galatasaray (Turquia) - Campeão turco
Cluj (Romênia) – Campeão romeno (passou pelos playoffs)

Outro grupo fácil... para o Manchester United.
No ano passado a espectativa era a mesma, grupo fácil, Sir Alex Ferguson poupou diversos jogadores titulares e acabou em terceiro lugar na fase de grupos, foi para a Liga Europa e perdeu para o Athletic Bilbao.
Braga está fazendo bons campeonatos portugueses nos últimos anos, duelando com Porto e Benfica pelo título. Concentra sua força em diversos brasileiros, mas terá que mostrar força contra Galatasaray e Cluj. Esses dois por sua vez estão correndo por fora. Galatasaray está retornando a UCL depois de alguns anos dificeis na Turquia... o Cluj está crescendo na Romênia e faz campanhas apagadas na Champions, mas dessa vez eles eliminaram o Basel da Suíça na fase anterior... o mesmo Basel que tirou o Man Utd na Champions do ano passado.
Palpite: 1- Man Utd. 2- Braga 3- Galatasaray 4- Cluj



 Escrito por Fernando Zimmer às 15h58 [] []






As datas para 2013

A CBF divulgou hoje o calendário para o ano que vem... algumas coisas boas e outras como sempre enroladas, vamso por partes:

Calendário de 2013

Início da pré-temporada
- 2 de janeiro
Fim da pré-temporada - 18 de janeiro

Por que no Brasil a pré temporada dura apenas 16 dias enquanto nos principais campeonatos do mundo os clubes se preparam por ao menos 1 mês?
1 mês que os jogadores não têm de férias...

Campeonatos Estaduais
- De 20 de janeiro a 19 de maio, com 23 datas

Ao invés de ampliar a pré-temporada, porque não reduzir os estaduais?
23 datas, 5 meses, é muito tempo para pouco aproveitamento...

Copa do Nordeste
- De 20 de janeiro a 17 de março, com 12 datas.

Finalmente, a primeira das boas notícias do novo calendário... a Copa do Nordeste poderá fortalecer num todo o futebol nordestino. Os times alcançam a Série A do brasileiro e ficam penando para se manter entre os principais... com a Copa do Nordeste os times terão uma preparação bem melhor para o resto da temporada. Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Goiás, enfim... todos os estados, ao menos os principais clubes de cada estado, deveriam pensar melhor em participar de campeonatos mais abrangentes para um melhor preparação para o Brasileirão, Copa do Brasil, Libertadores e Sul-americana.
Os campeonatos estaduais deveriam ser exclusivo para times de pequeno porte - Série C e D... dando melhores oportunidades e mais dinheiro para os clubes menores...
Times de Série A e B deveriam ter uma preparação mais focada para o que realmente é importante na temporada - o Campeonato Brasileiro.

Copa Libertadores da América
- De 23 de janeiro a 22 de maio - 15 datas
- De 3 de julho a 24 de julho - quatro datas

Outra boa notícia... a Libertadores pára quando as seleções jogam a Copa das Confederações.

Copa do Brasil de Futebol Feminino
- De 26 de janeiro a 6 de abril - 10 datas

Apenas 10 datas de futebol feminino para o ano todo??? Isso é ridículo!
Depois é uma decepção a seleção brasileira de futebol feminino perder para o Japão nas quartas de final das Olimpíadas...

Copa do Brasil
- De 3 de abril a 22 de maio - oito datas
- De 3 de julho a 27 de novembro - 12 datas

Outra excelente notícia! Copa do Brasil espalhada por todo o ano, com pausa para a Copa das Confederações... simplesmente excelente!
Será que irá parar também em datas FIFA, que não a Copa das COnfederações, como amistosos da Seleção Brasileira?

Copa das Confederações
- De 15 de junho a 30 de junho - 16 dias

Teremos alguns estádios até lá, com a quantidade de dinheiro público investido... e a infraestrutura das cidades?

Amistosos da Seleção Brasileira
- De 6 de fevereiro a 19 de novembro - 15 datas

Essa é a grande dúvida... durante os jogos da Seleção Brasileira teremos também disputa de Campeonato Brasileiro, Copa do Brasil, Libertadores e Copa Sul-americana?
Copa das Confederações está garantido... e os amistosos???

Campeonato Brasileiro Série A
- De 26 de maio a 9 de junho - cinco datas
- De 7 de julho a 8 de dezembro - 33 datas

Novamente... faz uma pausa para a Copa das Confederações, o que é excelente... e os amistosos?

Campeonato Brasileiro Série B
- De 25 de maio a 11 de junho - seis datas
- De 7 de julho a 30 de novembro - 32 datas

O mesmo da Série A.

Campeoanto Brasileiro Série C
- De 2 de junho a 9 de junho - duas datas
- De 7 de julho a 24 de novembro - 22 datas

O mesmo das Séries A e B

Campeonato Brasileiro Série D
- De 2 de junho a 9 de junho - duas datas
- De 7 de julho a 20 de outubro - 16 datas

O mesmo das Séries A, B e C

Copa Sul-Americana
- De 14 de agosto a 28 de agosto - duas datas
- De 23 de outubro a 11 de dezembro - oito datas

Poderia correr durante o mesmo tempo que a Libertadores, estendendo-se durante todo o ano... os times são diferentes mesmo, não alteraria o calendário, mas isso cabe a Conmebol... onde o buraco é mais embaixo...

Mundial de Clubes
- De 11 de dezembro a 21 de dezembro - 11 dias

Manteve as datas... boas, mas com pouco tempo de preparação para o campeão da Libertadores, principalmente se este for brasileiro como o Santos no ano passado e Corinthians nesse ano.



 Escrito por Fernando Zimmer às 15h45 [] []






A FIFA vê o futebol brasileiro? - Parte 4

Quando o futebol abre as portas de seus estádios, é para que os torcedores vibrem e não briguem... É para que os torcedores participem e não matem.

1- A horda de cartolas que rege o futebol brasileiro;
2- Os péssimos árbritos que são designados para apitar os jogos dos campeonatos brasileiros (todas as divisões - A a D) - A não estrutura;
3- Falta de investimento privado e superfaturado investimento público;
4- Os hábitos irracionais de alguns "torcedores" de futebol - O baixo público nos estádios;

4- Uma coisa leva a outra, as brigas dentro e fora dos estádios afasta os verdadeiros torcedores das arquibancadas, essas que nem existem mais, pois as cadeiras tomaram seus lugares e os valores dos ingressos ultrapassaram todas condições dos brasileiros.

Quais os problemas que cercam um jogo de futebol?
Hoje em dia isso é muito difícil participar... Seja pelas brigas, pelos valores altíssimos dos ingressos, pela falta de segurança que os policiais passam, pela grande cobertura dos canais fechados de TV, pela dificuldade de utilizar o transporte público para ir e voltar do local do jogo, pela dificuldade de estacionar ao buscar um local seguro com um valor aceitável ou somente pela preguiça de ir até o estádio... há diversas razões para fugir do espetáculo.

Porque ir ao estádio?
Cultura, diversão, paixão, incentivar ou xingar o time em um ambiente empolgante, espairecer, passar por momentos únicos que jamais serão esquecidos ou ter sentimentos raros que jamais serão explicados... há também diversas razões para ir num estádio de futebol...

É sabido que as brigas diminuiram consideravelmente dentro dos estádios, porém alguns ignorantes seguem fazendo vítimas nos arredores dos estádios ou nos centros das cidades. Os ingressos estão cada vez mais caros e o acesso para alguns estádios é limitado.
É sabido também que a atmosfera dentro de um estádio de futebol não se compara com qualquer outra coisa... seja pelo arrepio ao ouvir a torcida gritar, pela emoção de presenciar um gol ou um titulo ou pelo simples fato de participar de tamanho evento cultural.

Portanto, comparados os prós e os contras digamos que os prós são sentimentais e os contras são carnais... o povo paga mais para ter conforto, segurança e diversão para assistir em casa do que pagaria pelo incerto, desconfortável e perigoso estádio de futebol.

Será que a FIFA acredita em nossos sentimentos ou prefere raciocinar e observar os fatos?

5- Como colocar o futebol brasileiro, então país do futebol, na vitrine internacional?

Simples: Precisamos de cartolas decentes; Políticos e investidores comprometidos; Jogadores, técnicos e juízes capacitados; Torcedores bem tratados!



 Escrito por Fernando Zimmer às 15h41 [] []






A FIFA vê o futebol brasileiro? - Parte 3

Para garantir a Copa do Mundo 2014 e as Olimpíadas 2016 o Governo Federal brasileiro avalizou todos os orçamentos possíveis e impossíveis referentes a esses eventos. Sequer se coçou para conseguir investimentos privados. E agora, quem é que paga?

1- A horda de cartolas que rege o futebol brasileiro;
2- Os péssimos árbritos que são designados para apitar os jogos dos campeonatos brasileiros (todas as divisões - A a D) - A não estrutura;
3- Falta de investimento privado e superfaturado investimento público;
4- Os hábitos irracionais de alguns "torcedores" de futebol - O baixo público nos estádios;
5- Como colocar o futebol brasileiro, então país do futebol, na vitrine internacional?

3- Pagamos nós, povo brasileiro, trabalhador que corre atrás do ganha pão no dia-a-dia e paga impostos durante 6 meses antes de realmente conseguir constituir seu pé de meia.

E o invetimento privado, de onde vem? Ele vem? Para onde vai?
O investimento privado deveria vir de grandes empresas (montadoras, bancos, contrutoras, etc) que têm interesse em patrocinar o esporte brasileiro. Há o apoio, porém não segue diretamente para o esporte, cai nas mãos de burocratas que prejudicam o decorrer natural das coisas. Pq?

É bem mais fácil, politicamente falando, você investir seu dinheiro no governo (nacional, estadual ou municipal) e esse encaminhar o dinheiro para as demais atividades necessitadas. Mas esse montante financeiro que poderia financiar projetos de inclusão social através do esporte, poderiam financiar construção de escolas e hospitais, acabam nas mãos de políticos necessitados... Necessitados de saciar sua ganância, financiar suas campanhas políticas, estruturar sua casa e carro.

Os clubes brasileiros também precisam de investimento privado para manter suas bases funcionando e seu time principal competindo em alto nível. Porém a maioria deles busca o dinheiro público. É entrar no BNDES e ver quantos e quais são os clubes devedores de dinheiro público, é mais fácil, mais barato e no fim sua dívida acaba sendo reduzida por causa da sua inadimplência...

Como a FIFA nos vê? - Desorganizados, fraudulentos, incompetentes, fornecedores de mão-de-obra...

Assim caminha o esporte brasileiro... com o governo soltando dinheiro para todos os lados, com os investidores privados agindo politicamente para não pagar impostos e os clubes brasileiros subindo o valor dos ingressos para sanar suas dívidas com o governo.

Quem paga? O público - Os hábitos irracionais de alguns "torcedores" de futebol - O baixo público nos estádios - amanhã a parte 4.



 Escrito por Fernando Zimmer às 15h28 [] []






A FIFA vê o futebol brasileiro? - Parte 2

A FIFA é centro do futebol mundial, tudo relacionado ao futebol passa por lá. Porém, quando o buraco é mais embaixo eles simplesmente se afastam e ignoram o problema. Exemplo disso foi o caso do ex- árbitro FIFA Edilson Pereira de Carvalho que foi acusado de manipular 11 jogos da série A. O que a FIFA fez?
Simplesmente tirou de Edilson o rótulo de árbitro FIFA e se afastou do problema.

1- A horda de cartolas que rege o futebol brasileiro;
2- Os péssimos árbritos que são designados para apitar os jogos dos campeonatos brasileiros (todas as divisões - A a D) - A não estrutura;
3- Falta de investimento privado e superfaturado investimento público;
4- Os hábitos irracionais de alguns "torcedores" de futebol - O baixo público nos estádios;
5- Como colocar o futebol brasileiro, então país do futebol, na vitrine internacional?

2- A não profissionalização dos juízes e bandeirinhas de futebol no Brasil acarretam em grandes erros dos árbritos. Isso não seria desculpa, pois eles recebem uma boa quantidade por cada jogo apitado, porém eles não têm a certeza de que na próxima semana poderão apitar um novo jogo e levar dinheiro para casa.

Isso leva cada um desses "profissionais" a trabalhar de forma insegura, em alguns casos os juízes e bandeiras não conseguem designar uma boa parte do seu dia para o treinamento para essa função, seja treino físico ou técnico.

E a Confederação Brasileira de Futebol (CBF), responsável pelos árbitros, faz o que?

José Maria Marin logo no primeiro dia no cargo de Presidente da CBF salientou: "uma das minhas principais missões como Presidente da CBF será de tomar medidas para que a quantidade de erros de arbitragem diminua significativamente", afirmou.

O que aconteceu no domingo (19/08/12) no clássico Santos 3x2 Corinthians - No segundo gol do Santos, gol de André marcando 2x1 no placar, o bandeirinha FIFA Emerson Augusto de Carvalho errou três vezes (3X) no lance - confira: http://www.youtube.com/watch?v=AVs-Vl5nvXU

O que fez a FIFA? Nada
O que fez a CBF? Colocou o bandeira na geladeira por 10 jogos, mas hoje, quarta-feira (22.08.12) ele auxiliará como bandeira no jogo entre Grêmio x Coritiba.
O que disse Marin? "As providências já foram tomadas, o bandeira ficará na geladeira por algum tempo, mas não é o suficiente, temos que fazer mais coisas", afirmou Marin em entrevista coletiva realizada ontem (21.08.12)

Estamos esperando as providências senhor Presidente da CBF... disse e não fez, será que agora mudará alguma coisa? Acho difícil, pois a acomodação dentro da entidade futebolística no Brasil não costuma se coçar muito e a entidade futebolística mundial muito menos se importa... a não ser que o dinheiro entre, muito dinheiro entre.

O bandeira falou em entrevista que relamente errou no lance e assumiu a culpa.

Em tempo, Marin mudou a chefia da arbitragem - Aristeu Leonardo Tavares, que era Ouvidor de Arbitragem, substitui Sérgio Corrêa, que passa a chefiar o Departamento de Arbitragem criado a partir de hoje - http://www.cbf.com.br/noticias/presidencia/2012/8/22/aristeu-leonardo-tavares-e-o-presidente-da-comissao-de-arbitragem

A estrutura do futebol brasileiro continua desorganizada, continua fazendo besteiras, continua afastando os holofotes mundiais... sendo assim não consegue atrair dinheiro para o campeonato... dessa forma a FIFA não vê o campeonato brasileiro como competitivo o suficiente.

Amanhã falamos de investimentos - Falta de investimento privado e superfaturado investimento público.



 Escrito por Fernando Zimmer às 15h05 [] []






A FIFA vê o futebol brasileiro? - Parte 1

Não, o campeonato brasileiro não figura entre os maiores campeonatos do mundo. A FIFA sequer seleciona nossos jogadores entre os melhores do mundo, sequer seleciona os nossos clubes como referência mundial... Como se o futebol brasileiro fosse exclusivamente a CBF e seus selecionados produtores de dinheiro...

Há algumas razões para isso:

1- A horda de cartolas que rege o futebol brasileiro;
2- Os péssimos árbritos que são designados para apitar os jogos dos campeonatos brasileiros (todas as divisões - A a D) - A não estrutura;
3- Falta de investimento privado e superfaturado investimento público;
4- Os hábitos irracionais de alguns "torcedores" de futebol - O baixo público nos estádios;
5- Como colocar o futebol brasileiro, então país do futebol, na vitrine internacional?

Porquê?

1- Quando pensamos que a saída do infinito Ricardo Teixeira da CBF poderia trazer benefícios ao futebol brasileiro, eis que entra José Maria Marin, um senhor da mesma laia de Teixeira que não parece se interessar pelo verdadeiro futebol brasileiro, não se importa com o futebol feminino e não enxerga os milhares de erros das ligas brasileiras.

Descendo um degrau chegamos às Federações Estaduais de Futebol - Presidentes que pensam exclusivamente em dinheiro e seguem fazendo os pífios campeonatos estaduais, sem representatividade e sem produtividade para os clubes brasileiros de maior expressão. Os times pequenos realmente precisam dos estaduais, já os grandes que são sempre campeões não... é o tipo de competição que serviria sim como pré-temporada aos grandes, mas os mesmos sofrem pressão de torcida e diretoria para conquistarem o título, dessa forma não abrem espaço aos clubes menores de conquistarem outros espaços e novos torcedores.

Um degrau abaixo temos as diretorias dos clubes brasileiros, são aqueles que acham que mandam no clube e tudo que fazem é em "prol" do clube... Não, eles têm o Rei na barriga, colocam os cavalos na frente da carroça e acabam por não enxergar o mal que causam aos clubes brasileiros. Demitem técnicos, trocam jogadores, excluem diretores interessados no esporte e realmente querem o bem do clube, mas o que vale é a voz imperialista de alguns Presidentes de clubes com suas idéias ultrapassadas e sem fundamentos.

É isso mesmo, a cartolagem brasileira funciona em forma de pirâmide - no topo a CBF, depois as Federações e por último os clubes - quem é o principal beneficiado?
Só não são os jogadores, torcedores e o próprio campeonato.

Afirmo que o campeonato brasileiro têm muito potencial para disputar entre as grandes ligas mundiais pois é competitiva, emocionante e com grandes clubes. Porém isso tudo acaba prejudicando toda a estrutura do campeonato, o que veremos amanhã com a segunda parte do texto: 2- Os péssimos árbritos que são designados para apitar os jogos dos campeonatos brasileiros (todas as divisões - A a D) - A não estrutura.



 Escrito por Fernando Zimmer às 15h31 [] []






Olimpíadas 2012 - Brasil

As Olimpíadas acabaram, passou rápido demais. Londres 2012 foi muito bom - bom de assistir, bom de vivenciar o dia-dia dos esportes, bom de sentir as emoções.

Londres teve diversos problemas que não se imaginava ser possível. Talvez pela imensa crise que vive a Europa, as expectativas da cidade britânica não foram superadas, ou sequer alcançadas:

Poucos turistas - A expectativa em cima do turismo em Londres era imensa, porém o público não esteve muito empolgado com a cidade magnifíca que é Londres, hotéis, restaurantes e demais atrativos turisticos não tiveram o lucro esperado;
Pouco público - Sobraram ingressos para diversos eventos esportivos, por causa dos patrocinadores que compraram diversos ingressos mas não conseguiram repassar ou agências de viagens que não conseguiram vender seus pacotes turísticos. Na reta final dos jogos, haviam ingressos sendo vendidos por R$ 16,00, mas não foi possível tapar os buracos nos ginásios.

Por outro lado alguns problemas apontados como impossíveis de resolver não foram um problema: o trânsito londrino era uma paz só, os meios de transportes públicos funcionaram perfeitamente atropelando o trânsito.

Pois bem, e o Brasil? O Brasil bateu o recorde de quantidade de medalhas conquistadas - 17 (3 ouros, 5 pratas e 9 bronzes).
Excelente! Sim foi muito bom, mas um país do tamanho do Brasil não pode ser comparado com os países sulamericanos ou com países pequenos como Suécia, Espanha e até Grã-Bretanha, mas sim deve ser comparado com China, Rússia e EUA... China e Rússia, assim com o Brasil, fazem parte do BRICS (países que estão em ascendência econômica) e EUA, assim como Rússia, China e Brasil, é um país que possui tamanho continental, ou seja, possui matéria-prima, população suficiente para competir em alto nível.

Então o Brasil deve massificar o esporte e apostar nos esportes individuais que oferecem diversas medalhas?
Sim e não - o Brasil deve sim massificar o esporte e difundi-lo em todas as esferas sociais e principalmente nas escolas (com professores atuantes que possam conduzir o ensinamento em diversas modalidades esportivas). Não para a quantidade de medalhas, pois isso deve ser apenas uma consequência do trabalho realizado no Brasil. EUA e China travam um duelo bipolar desde Atenas 2004.
EUA têm em seu país uma quantidade incrível de modalidades esportivas sendo praticadas em diversos espaços e diferentes camadas sociais. Possuem na grande maioria dos casos um patrocínio privado para todos os esportes, os quais, por sua vez, proporcionam um futuro para os jovens estadunidenses através de bolsas de estudos em todas as etapas escolares.
Na China é um pouco diferente, começando pelo patrocínio público que é realizado, mas em relação aos esportes... ai sim, todos eles são praticados em diversos espaços e principalmente muito bem trabalhados nas escolas e instituições de ensino.
No Brasil temos pouquissimo investimento privado, pouco investimento público e quase nada de ensinamento escolar. Ou seja, o Brasil ainda tropeça muito nos esportes... ainda não descobriu a excelente forma de ensinar e educar as crianças através do esporte, não sabe como é gratificante praticar um esporte.

Pois bem... as medalhas virão para o Brasil somente após um bom investimento na nossa educação, que se dá fortemente através do esporte... caso contrário continuaremos mandando atletas para as olimpíadas oara que eles passem vergonha!

Mas eles não deveriam passar vergonha e sim sentir vergonha de representar um país que pouco se preocupa com o esporte nacional, que pouco ajuda na busca por patrocínios para o esporte nacional ou que pouco investe nas modalidades esportivas.

Até lá vamos contar com as superações: o bronze de Yane Marques no pentatlo moderno... ou o ouro do Zanetti na Ginástica... ou a prata e dois bronzes do boxe brasileiro depois de 44 anos na fila por uma medalha olímpica.



 Escrito por Fernando Zimmer às 16h39 [] []






Eu vejo o Neymar jogar...

Num texto anterior eu disse que assisti a todos, ou quase todos, os jogos do Barcelona de Messi. Esse Barcelona de Messi vai mudar no ano que vem, para melhor ou pior, tem que esperar... o fato é que vai mudar sem o técnico Josep Guardiola.

POis bem, mas hoje eu vim falar de Neymar... ainda não do Santos do Neymar, e sim de Neymar.
Ele alcançou a marca de 104 gols em 3 anos de profissional, 20 anos de idade. Igualou a maior marca de gols após a era Pelé no Santos.

Eu espero para ver, com grande espectativa, o que Neymar vai fazer no próximo jogo. É claro que o time do Santos é muito forte e tem o melhor técnico brasileiro, mas o Neymar "deita" e "rola" nos jogos do Santos. Ganso está cada vez melhor, fato! Mas assim como ele o Neymar também melhora cada vez mais e ele surpreende a cada jogo.
Quando não joga tão bem como o seu time, ele da uma assistencia e marca dois gols - vitória no domingo por 3x0 no Guarani, 1º jogo da final do paulista 2012.

Pronto, Santos deve alcançar o tri-campeonato paulista (ninguém consegue o feito desde a era Pelé). Ressalva que campeonatos estaduais estão rídiculos, desde o seu formato até a qualidade dos times de menor expressão.

O fato é: Neymar é craque!
Quem não pára para assistir o Neymar jogar? eu paro
Quem não cria espectativas do que Neymar irá realizar nesse jogo? eu crio
Quem não gosta de ver um cara deitar e rolar em todos os jogos? eu gosto
Quem não deixa de ver seu time de coração para ver o Neymar? eu deixo



 Escrito por Fernando Zimmer às 08h41 [] []






234 vezes

Eu vi todos e você?

Não tenho nada a dizer... só que admirar, eu vi todos os gols, não ao vivo, mas vi todos... veja você também, são os 14 minutos mais rápidos... é tão bom de assistir que você nem repara no tempo.

Aqui todos, TODOS os 234 gols de Messi com a camisa do Barça...



 Escrito por Fernando Zimmer às 15h04 [] []






Pintou uma FINAL!

Após o sorteio de hoje, realizado na Suíça, a Champions League parece ter sua final retratada no dia 19 de maio em Munique.

Pedras gigantescas estarão no caminho antes de Barcelona e Real Madrid se encontrarem na final.

Do seu lado o Barça enfrenta o Milan agora nas quartas - o segundo maior campeão na história da Champions (7 títulos)... Parece ser o time mais forte depois dos dois espanhóis. Vai dar muito trabalho ao time catalão, como fez na primeira fase dessa mesma edição da UCL.

Para a semi final o Barça poderá enfrentar Benfica ou Chelsea - Benfica faz uma ótima temporada, como há muito não fazia... Já o Chelsea está cambaleando demais na temporada, acabou de despedir seu técnico de 15 milhões de euros (André Villas Boas - custou isso aos cofres do Chelsea após sua rescisão com o Porto), mas acaba de sair de uma vitória incrível contra o Napoli na Progrrogação das oitavas da Champions.

Ao lado do Real Madrid a pedra gigante parece ser uma só, mas que tem mais vontade que todos os outros para chegar na final da Champions. O primeiro duelo para o Real será o Apoel do Chipre, que eliminou o Lyonnos pênaltis. Uma surpresa para essa fase da UCL, não deverá incomodar, nem mesmo no Chipre...

A possível semi-final já pinta dificuldades, já que Olimpique de Marselha e Bayern Munich se enfrentam. O Olimpique está muito abaixo do esperado nessa temporada, apenas o 7º colocado no campeonato francês, mas mostrou sua força contra a Internazionale nas oitavas.
O Bayern é o mais faminto de todos, sendo que a grande Final já está marcada para a Allianz Arena em Munique. Nunca um time que tem seu estádio como sede chegou na final da Champions... o Bayern terá essa oportunidade, ainda mais em uma temporada em que os bávaros começaram super bem no topo do campeonato alemão e voando na UCL. No final de 2011 e início de 2012 caiu bastante e perdeu colocações no alemão e perigou ficar de fora da Champions após perder por 1x0 para o Basel na Suíça. Porém está crescendo nesse momento, recuperando alguns jogadores importantes de lesão (Schweinsteiger, Robben, Lahm), em seus dois últimos jogos fez 7x1 no Hoffeinhein pelo alemão e 7x0 no Basel no jogo de volta das oitavas da UCL. Penso que é o time que mais pode surpreender, obviamente considerando Real e Barça num patamar superior aos outros clubes.

Pois bem, não tem como não palpitar em Real x Barça na final. Porém não posso deixar de lado uma final entre Milan x Bayern ou ao menos 1 desses dois participando da grande final.

O pecado maior será de Barça x Real não se enfrentarem antes da final, para realizarem 2 duelos memoráveis como na temporada 2010/2011.



 Escrito por Fernando Zimmer às 09h40 [] []






Então Poderoso Chefão

E agora dotô? Vai pra donde?
Vai pra terra do capitalismo gastar tudo aquilo que acumulou nos longos 23 anos de Presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

Temos que comemorar sim! Apesar do posto ser entregue ao Sr. José Maria Marin (Sr. medalhas) - http://www.youtube.com/watch?v=Hw-TTL4SmPM&feature=related - Ele assume a CBF falando que dará continuidade em tudo que o Sr. Ricardo Teixeira deixou...
Será que ele dará continuidade aos monumentais gastos de dinheiro e cobranças exorbitantes de seleções para uma apresentação, pífia, da seleção brasileira?

É o tipo de coisa que será dificil de conseguirmos furgir desse "sistema" sujo implantado dentro do futebol brasileiro... um lugar fácil de arrecadar e dificil de cuidar, mas cuidar para quê?
Joga no colo de qualquer um para ele ganhar um pouco de dinheiro - poderíamos comparar esse cargo com a Mega Sena - o dinheiro sempre vem aos milhões.

Mas vamos comemorar, sem dúvidas!
Alguns méritos, porque não, a Sra. Presidenta do Brasil Dilma Rousseff que desde o início de seu mandato fez pressão contra o então Poderoso Chefão Ricardo Teixeira. A polícia Federal ainda investiga os envolvimentos de Ricardo Teixeira no desvio de dinheiro em grandes jogos aqui no Brasil - exemplo do jogo Brasil x Portugal em 2008.

Não vamos esquecer que ele tem algo à pagar... as investigações estão sendo feitas... Ao final, tudo com provas, cobra-se!
Uma dica... ele estará em Miami, escondendo-se como Osama Bin Laden ou Sadan Husseim.

23 anos no poder - 2 Copas do Mundo conquistadas em 6 disputadas - Bom saldo.
23 anos no poder - 23 campeonatos brasileiros - eleições fraudulentas, CPI's, escândalos, viradas de mesa, sonegação de impostos, corrupção - Que Saldo!
23 anos no poder - Transformou-se em dono do futebol brasileiro - http://revistapiaui.estadao.com.br/edicao-58/figuras-do-futebol/o-presidente

12 de março entra na história do Futebol Brasileiro - Vamos Comemorar, mas não vamos baixar as guardas para seguir derrubando os podres da CBF.



 Escrito por Fernando Zimmer às 16h38 [] []




[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]
 


BRASIL, Sul, CURITIBA, Homem, de 20 a 25 anos, Portuguese, English, Esportes, Esportes, Esportes









 
 




Blog do Carlão
Fala Futebol
Blog do Juca
Diário Lance!
Placar
ESPN Brasil
Esporte Interativo
Fatos em Saltos
Blog Novo em Folha
Capas Jornais pelo Mundo
 
 

Dê uma nota para meu blog